Oficial de Justiça TJRS - Artigos e Cursos

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA

Projeto Doar É Legal




O Projeto Doar É Legal emitiu 5.511 certidões em todo o país, de acordo com dados do coordenador da iniciativa, o Juiz de Direito Carlos Eduardo Richinitti, do Tribunal de Justiça do Estado (TJRS). A certidão - sem validade jurídica – atesta a vontade de voluntários em tornarem-se doadores de órgãos e serve para que familiares fiquem cientes da intenção. A adesão à campanha pode ser feita pelo site do TJRS. Basta preencher um formulário virtual (confira link abaixo) e, após a confirmação, a certidão será gerada. A certidão pode ser impressa e enviada para familiares e amigos.

Iniciado em maio de 2009, com o objetivo de conscientizar sobre a importância de doar órgãos, o projeto Doar É Legal coordenado nacionalmente pelo CNJ, e executado pelo TJRS, com apoio da ABTO (Associação Brasileira de Transplante de Órgãos), do Hemocentro e da Via Vida Pró doações e transplantes.

Fonte: CNJ.
← ANTERIOR PROXIMA → INICIO